Natal/RN, 20 de Novembro de 2017.


Inicial / Notícias

Trabalhadores do campo fundam confederação nacional de assalariados rurais

Publicado por Adriano Medeiros, em 05/11/2015 às 08:29

Trabalhadores camponeses criaram, no último sábado (31), em Brasília, a Confederação Nacional dos Trabalhadores Assalariados e Assalariadas Rurais (CONTAR). A entidade, formada por uma comissão de trabalhadores dos estados do Mato Grosso do Sul, Pará, Goiás, Rio de Janeiro e Pernambuco, elegeu como presidente Antonio Lucas Filho.

 

A assembleia de criação ocorreu na Confederação Nacional dos Trabalhadores na Agricultura (Contag) durante o 1º Congresso Extraordinário dos Assalariados e Assalariadas Rurais. Entre os presentes no ato de fundação estavam o presidente da CTB, Adilson Araújo, o diretor adjunto da Organização Internacional do Trabalho (OIT) no Brasil, Stanly Gacek, o secretário Regional da América Latina da UITA, Gerardo Iglesias, o diretor técnico do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (DIEESE), Clemente Ganz Lúcio, além de toda a diretoria da Contag.

 

A iniciativa de criar a CONTAR surgiu após anos de debates entre a direção da Contag, entidade parceira (que sempre representou os assalariados), e os trabalhadores do setor, responsáveis pela comissão pró-fundação, composta pelos representantes dos cincos estados. Segundo os dirigentes, a Contag deu todo o apoio necessário, inclusive suporte jurídico, para a fundação desta nova organização.

 

Em nome da CTB, Adilson Araújo cumprimentou os organizadores da instituição e a Contag pela iniciativa de criar uma organização específica à demanda dos assalariados. Adilson deixou claro o apoio da central à causa desses trabalhadores. “Em nome da CTB quero parabenizá-los pelo ato de ousadia ao constituir esta confederação tão importante nesta conjuntura de crise. A CTB abraça a CONTAR com o compromisso de lutar junto a esta categoria pelo seu desenvolvimento e valorização”, pontuou.

 

Segundo o presidente da Contag, Alberto Broch, a entidade debateu por mais de dois anos com dirigentes de federações, pólos e centrais sindicais, entre elas a CTB, a formação de uma organização própria para os assalariados. Broch afirma que a Contag reconheceu a necessidade de autonomia para estruturar o combate de problemas específicos da classe como, por exemplo, a informalidade, que hoje atinge mais de 60% dos trabalhadores camponeses.

 

“Este dia ficará na história do movimento sindical. A partir desta data teremos uma grande representação específica dos assalariados e assalariadas rurais. Por mais de 50 anos a Contag lutou junto a estes trabalhadores e aos agricultores familiares numa só organização. E queremos continuar unidos. Desejo um trabalho profícuo à CONTAR. Nosso desejo é que esta confederação seja a mais representativa e forte possível na luta por dignidade e direitos. Agora temos duas grandes organizações: Contag e Contar para, com o apoio de centrais como a CTB, presente nestes dois dias de congresso e fundação, fazer frente aos enormes desafios que o agronegócio, o capitalismo e a exploração impõem”, declarou Alberto Broch.

 

O primeiro presidente da Contar, Antonio Lucas, falou ao Portal CTB sobre o significado da eleição e a missão da confederação. Lucas agradeceu o apoio dos trabalhadores e da diretoria da Contag, em especial a Elias D'Ângelo, Secretário de Assalariados e Assalariadas Rurais e Juraci Moreira Souto, Secretário de Formação e Organização Sindical, pela estruturação e amadurecimento das discussões sobre a CONTAR. O dirigente prometeu honrar o mandato em favor da classe. “Tenham certeza de que não irei decepcioná-los pela confiança que me deram. Agora sairemos à luta para conquistar mais políticas públicas para esses trabalhadores”.

 

Lucas disse que o pontapé inicial da mais nova entidade é ajudar a construir organizações de assalariados nos estados do Brasil e integrá-las à CONTAR. “Vamos andar agora nos estados brasileiros construindo sindicatos, federações, para consolidar a nossa luta”.

 

Segundo a Contag, federações de assalariados e assalariadas rurais já existentes se filiarão à Contar.

Fonte: CTB

3 4 5 6 7
ponto criativo
Rua Gonçalves Lêdo, 845 - 1º Andar - Sala 7 - Centro - Natal/RN - CEP 59025-330
  • contato@adrianomedeiros.jor.br